“Bicha Fêmea Convidada”

Este blog mudou de endereço para WWW.bichafemea.com     >>>>> passa lá!

 

Por Dolly – Marya Mariah

Olá pessoal, eu sou a Dolly e fui gentilmente convidada pela Lidiane a participar neste blog.

O tema é livre, o que torna mais complicado porque tudo que escreverei, escreverei segundo minha ótica, minha vivência e experiências, o que não quer dizer que não sou suscetível de erros .

Antes de mais nada quero derrubar um conceito que a meu ver é mais um preconceito que conceito, que ” pessoas maduras são tralhas”, ultrapassadas e devem mesmo é ficar encostadas.

Tenho 63 anos, bem vividos e com uma enorme bagagem seja no âmbito pessoal, emocional e profissional; entretanto, em nossos tempos ter 63 anos não significa absolutamente nada, o importante é estar ativa, lúcida e pronta para adquirir novos aprendizados a cada novo amanhecer.

Li recentemente uma frase mais ou menos assim:

ENVELHECER É PASSAR DA PAIXÃO Á COMPAIXÃO!!!

Quase precisei de meus sais para retomar o fôlego mas, passados alguns momentos pude refletir melhor e entender a ignorância dos preconceituosos. A pessoa equilibrada, estável em suas emoções, jamais se permitirá ser conduzida pela compaixão.

Assim quero discorrer sobre OS SETE PECADOS CAPITAIS nos nossos dias.

Digo nos nossos dias porque 4 décadas atrás as mulheres não eram socializadas, e aquelas que se atreveram a romper conceitos, foram muito discriminadas tão somente por questões culturais e religiosas muito enraizadas naqueles tempos.

É de se ressaltar ainda que o tema abordado não tem conotação religiosa e sim a narrativa sobre esses vícios corriqueiros, muitas vezes de origem genética outros tantos cometidos, por auto afirmação ou má informação.

api.ning.comfiles A IRA (cólera, raiva, agressividade exagerada)

Quem não conviveu ou não conheceu uma pessoa que vive permanentemente irado!

Pessoas que não conhecem seus limites e que vão de zero a mil em segundos.

Pessoas compulsivas que não conseguem parar para respirar antes de explodir e que, frequentemente, quando tomados por essa força interior são incapazes de admitir seus exageros ou desculparem-se para estarem bem consigo próprias.

Pessoas que provam muita dificuldade no relacionar-se porque todos os temem.

www.blogcdn.com A GULA

Outro vício terrível com consequências desastrosas gerando até mesmo enfermidades e muitas vezes a discriminação. Normalmente as pessoas acometidas desse vício não possuem posturas sociais, meias maneiras, conseguindo afastar integrantes de seus grupos, pela vergonha da dura convivência.

Porém a GULA não é definida somente no âmbito alimentar, ela é extendida a qualquer outro tipo de compulsão como nos hábitos da leitura, na compulsão por compras, pela insistência em querer um posto de destaque no círculo que frequenta enfim, é levado pelo exagero em todas as suas ações.

Pessoas que não encontram limites em seus atos, são causadores de grandes danos a si próprios. A instabilidade emocional, quase sempre oriunda de suas inseguranças, faz com que os indivíduos não atinjam índices ideais de produtividade na empresa ou um convívio harmonioso na vida sócio-familiar.

www.sketchloader.com A INVEJA

Deus me livre e me afaste dos invejosos. Sofri na pele os ataques de pessoas invejosas que são exatamente aquelas que se sentem inferiorizadas, que querem copiar “os ídolos” que criam em seus círculos sociais, sem perceber que na realidade afasta-os um a um.

É a incapacidade de criar a sua própria imagem, o seu próprio círculo e vive à sombra dos, segundo eles, mais fortes. Raramente, a INVEJA é sentida nas palavras mas sim através de olhares, criando no processo de competição um convívio desastroso.

Geralmente indivíduos que não aprenderam a desenvolver seus potenciais, seus dons. Ainda que constantemente observadores de seus “ídolos” não possuem força, dinamismo para criarem um lugar ao sol.

www.treats4chicks.co.uk A SOBERBA (altivez, orgulho, arrogância, presunção…)

A síndrome do trator, passo por cima de todos, sou mais eu, ou então, fiz e não vou consertar o meu erro.

Pessoas orgulhosas que amam inferiorizar aquele que não são por eles, que não comungam de seus pensamentos…

Precisam formar grupos para liderarem como se fossem ditadores de uma classe. Aqui a diferença entre chefe e líder!

store.retrorebels.com A soberba é a cultura do ego e o oposto da humildade. A síndrome do pavão, cultuada pelos senhores da sabedoria, das soluções, incapazes de ouvir, de estender a mão, de socorrer.

…“Um estudo realizado na Itália e confirmado pelo Vaticano mostra que a soberba é o pecado mais comum entre as mulheres, enquanto a luxúria é o mais frequente entre os homens.”

No lado masculino, a gula e a preguiça aparecem em seguida. Entre as mulheres, a inveja e a ira são também os pecados mais usuais”…

www.polyvore.com A AVAREZA

Um dos sete pecados capitais, é o medo de perder algo que possui. Uma pessoa avarenta tem dificuldade de abrir mão do que tem mesmo que receba algo em troca, tem cuidado com seus pertences como uma pessoa egoísta. Prefere abrir mão do que tem menos valor e preservar o que é mais valioso.

“Acha que perder algo pode ser um desastre”.(Wikipédia)

A AVAREZA está ligada a uma desordenada ambição por dinheiro, é um desordenamento no afã da posse! (desses eu fujo!!!)

Como é triste é conviver com pessoas avarentas; avareza, mesquinhez, pequenice. Brigar por tostões e ser escravo da matéria ; pessoas que não gastam para não descapitalizar, deixam de viver a vida, comprar remédios, viajar só para verem engordados os seus recursos.

www.quizilla A PREGUIÇA (o culto ao ócio, a vadiagem)

A preguiça não é definida somente na preguiça física mas também na preguiça de pensar, sentir e agir.

Quantas vezes ouvimos a expressão, quero morrer encostado em um barranco.

Pessoas que não gostam de desafios, do novo, das transformações. Se contentam com o que tem pois segundo eles, tudo exige muito esforço; acordar pela manhã é uma dificuldade assim como sair dos pijamas aos finais de semana.

Pessoas que amam ficar esticados olhando para o vazio, o espaço, porque é exatamente ali onde fazem morada, no vazio de suas existências. Não conseguem se projetar para não correr risco.

Pessoas improdutivas, que jamais alcançam ascensão profissional e nem mesmo a procuram porque ascender profissionalmente é sinônimo de trabalhar mais, investir em raciocinar, se apresentar, discutir; são totalmente impedidos pela indolência. O ócio é o ser dominador de suas mentes. Deixar para depois é o lema seguido pelos PREGUIÇOSOS.

www.rainfall.com A LUXÚRIA

Porta de entrada para todos os outros pecados. É definida como uma impulsividade desenfreada, um prazer pelo excesso, tendo também conotações sexuais.

Talvez o mais condenado dos pecados para a Igreja e o mais suportado pela sociedade porque abrange parte da humanidade.

Esse é o caminho mais largo mencionado nas Escrituras, aquele que leva a toda sorte de prazeres, bebida, sexo e todos os tipos de transgressão assistidos ultimamente; pedofilia, pornografia, sodomia, prostituição infatil, incesto, estupro, etc.

media.photobucket.com (2) A luxúria é a avidez pelo sexo, a urgência dos sentidos, a fome da alma.

A luxúria, para alguns homens, transforma a mulher em um objeto de prazer, apenas isso; não a respeita, não sabe amar, nem usufruir dos pilares da felicidade trazidos pelo verdadeiro amor. Porém a luxúria não é latente e sim fruto da convivência social e para a grande maioria não chega a ser um desvio de conduta ressalvados aqui, pedófilos, estupradores e incestuosos.

A compulsão pelo sexo na juventude, quando não desordenada é natural. É o novo, a explosão da cadeia de hormônios que em suas oscilações provocam o ímpeto que, não sendo canalizado adequadamente através de orientações por parte de pessoas equilibradas, pode sem dúvida ser convertida, ali na frente, em desvio de conduta.

media.photobucket.com (3) Nos resta agora, através desses 7 pecados capitais uma reflexão profunda, uma análise para possíveis correções no percurso de nossas vidas. Claro que todos somos passíveis de erros, deslizes mas, muitos deles, vencidos pela resistência, pela firmeza de caráter, contribuem para que desastres maiores venham ocorrer. Daí a importância da educação, da informação e da formação equilibrada de uma criança. A racionalização do tempo em que passamos acordados é vital para o equilibrio psíquico-emocional. Isso não quer dizer que devemos ser e viver como máquinas, nos mantermos 18 horas só trabalhando, estudando, não é isso. Mas a rotina e a disciplina faz com que tenhamos domínio de nossas emoções e através dele, menos tempo para pensar em transgressões.

(Transgressão significa a ação humana de atravessar, exceder, ultrapassar, noções que pressupõem a existência de uma norma que estabelece e demarca limites, Wikipédia)

media.photobucket.com (4) Massacramos os homens com suas posturas desenfreadas, compulsivas e chegamos mesmo a nominá-los como “tarados” . A tara é uma das derivantes da luxúria mas vamos ser honestas, existem milhares de mulheres especializadas em destruir lares pela simples compulsão da ‘ conquista! Luxúria também??? Claro que sim, a luxúria que leva à banalização do romance, do amor e que na promiscuidade não gerará nenhum fruto, somente o prazer da conquista.

www.devilgirl.com O individuo enquadrado na luxúria não possui a lucidez para enxergar o depois; o ato presente, o momento é o que conta e daí, os frutos da aberração.

Crianças geradas em encontros furtivos, irresponsáveis, sem amor, sem critérios e muitas delas geradas com graves problemas genéticos e que ficarão á mercê de mãos e corações generosos para garantirem suas sobrevivências e futuro.

É serio minha gente.

A ideia não é criar uma geração de eunucos; não é o sublimar de emoções mas sim a orientação para sexo com responsabilidade. Será preciso muita campanha educativa para se reverter os quadros instalados em nossa sociedade por que todos esses frutos advindos da luxúria; filhos, AIDS, e outras moléstias infecto-contagiosas estão aí sendo disseminados sem que a sociedade tenha mecanismos não só de contê-los, tratá-los e erradicá-los.

Assim, o fundamental ainda é o lar equilibrado, pais que vivam a plenitude do amor, do respeito que vivam para a família e principalmente que sejam essencialmente os verdadeiros monitores dos passos de suas crianças e adolescentes.

No meu entender esse é o caminho para se construir a geração do amanhã.

Anúncios

8 Respostas to ““Bicha Fêmea Convidada””

  1. Isabela Says:

    Nossa, que texto verdadeiro, coerente e profundo. Adorei!!
    Super beijo,
    Isa

  2. Lúcia Nikkel Says:

    Falou tudo!!! Parabéns pela vivacidade!! Bjins

  3. Rose Says:

    Meninas, que post lindo…também acredito que a familia seja a base de tudo…literlamente é um porto seguro…Bjinhus

  4. Ana Says:

    Gula???
    Ah, eu tenho pela comida, internet, trabalho, amigos, celular…
    Nossa! Ainda bem que só um item acima engorda. rs rs rs.
    Obrigada pela visitinha e adorei o seu blog.
    Vou passar aqui mais vezes.
    Bjs, Ana
    http://utilnecessario.blogspot.com/

  5. lidianevasconcelos Says:

    Isabela, Lúcia, Rose…

    …Pois é, meninas! Também acho que a Dolly arrasou na reflexão dela.

    Se a gente não tem uma boa formação familiar com pais de fato comprometidos em formar seres humanos decentes sob todos os aspectos, dificilmente as crianças vão se tornar adultos que não sucumbam a uma dessas mazelas morais descritas no texto.

    O texto é uma excelente reflexão quanto a isto.

    Beijos em todas!

  6. lidianevasconcelos Says:

    Eita, Ana! Verdade que só a comida engorda… com o resto (internet, trabalho, amigos, celular), só o coração, a auto-estima e a vida é que engordam… ehehehehe…

    Surpresa boa a sua visita.
    Volte sempre, viu?

    Beijos

  7. kinha Says:

    Lidi,
    concordo com vc em número, genero e grau.
    Agora, a ultima parte do post é o que sempre diog, é oque acredit, foi e é o que tenho aqui em casa, graças a Deus.
    E olhe que fomos os quatro juntinhos levado da breca.
    Se levamos surras?? Imagiiinaaa!!! Criação de pais mineiros e tradicionais??rssss
    è como perguntar se macaco gosta de banana né??kkkk
    E estamos todos auqi, unidos, e completamente saudáveis, nenhum pirou, enlouqueceu pq levou uns tapinhas…tapinhass/??
    Ai, ai, as varas de marmelos que o digamm….kkkkkk
    vou lembrar a mamãe disto agora, e vc quer apostar que ela via rir e dizer, se apanhou é pq mereceu, eu nunca bati a toa…rss+rss+rssss
    Linnnnda minha bichinha né?
    bjooooooooooooo

  8. lidianevasconcelos Says:

    Oi, Kinha!

    Você viu como o post da Dolly sobre os pecados capitais ficou massa, né? Ela levou a gente a refletir bastante, e no final, ratificar o que deveria ser lei: família é tudo na formação de uma criança.

    Que bom que gostou da proposta reflexiva do post.
    Muito bom!

    Beijos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: